sexta-feira, 24 de setembro de 2010

"Diário de Bordo de uma Manifestante Libertária - Parte I."



"Apontamentos sobre a Manifestação Anarco-Punk Anti-Skin Head/ Anti Preconceito" (04/9/10), de Araçatuba/SP"

Depois de um longo e tenebroso inverno, volto a brindá-los com meus pensamentos libertários e feministas!
Brincadeiras sinceras à parte, vim contar-lhes, - (bem atrasada – mas quando a inspiração bateu e o tempo se fez presente [trabalho...trabalho..trabalho..essa é minha vida de professora eventual!rs... ] ), - sobre minha segunda incursão em manifestações punk’s em minha cidade (Araçatuba/SP)!
Pois bem! Participei de minha segunda manifestação libertária no dia 04/09/10, e ela se deu pela iniciativa um de meus amigos AnarcoPunks, o Nanú da Silva, que contatou por orkut toda a galera interessada em anarquizar e libertar mentes do preconceito.
O intuito da Manifestação (abertamente Anarco-Punk) era se posicionar contra os Skin Heads, Sharp’s e Rash’s (Punk’s Extremistas), e também contra a Homofobia, contra o Machismo,contra o Nazismo e o Facismo, e o Fascismo e, principalmente contra o Preconceito, e se deu em véspera de época eleitoral, tendo ainda uma intervenção artística de um ator da cidade, o Ed, que reforçava a idéia anti-preconceito contida nos panfletos anarco-punk’s.
Os meninos divulgaram a manifestação com um material de primeira linha: panfletos que explicavam sobre o evento e o divulgavam (via de mão dupla bem sacada!), e um cartaz, na linha "Do It Yourself!" (“Faça Você Mesmo!”), que foi pregado nas grades do coreto da praça Rui Barbosa (onde o evento aconteceu!), de forma totalmente PUNK, quando eu panfletava com eles!
Eu sou DECLARADAMENTE Anarquista (não sou Punk nem Anarco-Punk!), e apóio intensamente qualquer ideal libertário e anti-preconceituoso, assim como defendo com unhas e dentes o Respeito e a Liberdade de Expressão (idéias básicas que movem TODAS as manifestações anarco-punk’s organizada pelo Nanú e pelo Téo, meus amigos de panfletagem).
Pretendo participar de várias outras manifestações, assim que elas ocorrerem, pois elas são um espaço aberto para que eu defenda minhas crenças em um mundo igualitário e sem preconceitos, por isso tenho orgulho em panfletar sazonalmente (quando as manifestações acontecem), embora, é claro, eu seja crítica e tenha meus ‘poréns’, já que tenho religião (sou Espírita, portanto, cristã!), o que mostra que não sou extremista, e sigo minha mente, sempre! E o que mostra que Libertários podem sim, ter sua religião, coisa que os Anarco-Punks negam até o fim!
Em breve, pretendo contar novas aventuras minhas pelo mundo da panfletagem! Aguardem-me, meus caros! Besos y... "SALUD Y ANARQUIA!"


Hasta la vista... e ...
KEEP ON ROCKIN', BABES! ^^
XOX!



Texto escríto por ♀♀ Maria Rosa Dias ♀♀ (A.K.A ♀♀ Riot Vicious ♀♀),
no dia 24/9/10, ao som de “Sent To Desstroy”, da banda de EBM/ Electrogothic Norueguesa Combichrist, diretamente para o Blog “Riot Vicious’ Blogspot”, marcando seu retorno como colunista do mesmo!