sábado, 15 de janeiro de 2011

"A Balada do Mulherengo" (Vs. "Ballad Of A Ladyman" - Sleater-Kinney)



Olá, meus amores! Partilharei com vocês mais um pouquinho do meu lado de letrista! A seguir, vocês lerão a letra de "A Balada do Mlulherengo", uma versão em Português que compus da música "Ballad Of  A Ladyman", da banda de punk feminista norte-americana Sleater- Kinney (as meninas da foto!), na tarde do  dia 07/01/11.
Essa banda é uma de minhas grandes inspirações dentro gênero RIOT GRRL/ PUNK ROCK/  PUNK FEMINISTA, e o mais importante: as garotas estão dentre as minhas musas como letrista!

A música da qual fiz versão é a do vídeo acima, e a letra vocês podem ler abaixo:

A Balada do Mulherengo (“The Ballad Of A Ladyman” – Sleater-Kinney – Versão: Mari Diaz)

Caminhando com falsos passos seguros.
Esguichando sua inútil beleza para todos os lados.
Isso é tudo que tenho a gritar.
Essa é a balada do mulherengo.

Ensaiando milhões de cantadas podres.
Tão podres quanto seu conceito de masculinidade.
Isso é tudo que tenho de atirar.
Tudo que tenho de atirar nessa balada do mulherengo.

Ele é tão idiota que acha que deve provar aos outros sua masculinidade
E acha que a mulher é um objeto.
Nojento machista, irritante misógino.

Se você disser a ele que nada do que ele diz faz sentido.
Ele só vai achar que você está se fazendo de difícil.
E vai continuar a soltar suas pérolas inúteis
Achando que vai te conquistar assim.

Eu não consigo suportar esse desfile de futilidade.
Essa falta de maturidade me embrulha o estômago.
Pior é quando eles competem entre eles quem ‘pega’ mais mulheres.
Essas são as ‘tentações’ de um mulherengo.

Ele é tão idiota que acha que deve provar aos outros sua masculinidade
E acha que a mulher é um objeto.
Nojento machista, irritante misógino.

O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.
Como ele age é como a sociedade diz que o homem deve ser. 
O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.

Eu não consigo suportar esse desfile de futilidade.
Ele conta com quantas mulheres ele sai a cada noite.
Ele conta aos amigos quantas ele levou para a cama.
Como se isso reforçasse a masculinidade dele.

O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.
Como ele age é como a sociedade diz que o homem deve ser. 
O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.
Essa é a balada do mulherengo.


Maria Rosa Dias – Versão em Português da música “Ballad Of A Ladyman”, da banda feminista Sleater-Kinney, composta no dia 07/01/11.



----->>> Para quem quiser conhecer mais do meu trabalho de letrista, é só acessar:
------- >>>>  http://recantodasletras.uol.com.br/autor_textos.php?id=62304&categoria=* <<<<<-------------

----->>> Meu perfil no Recanto das Letras UOL:
------>>  http://recantodasletras.uol.com.br/autor.php?id=62304 <<<---------

 Postagem feita ao som de: "Ballad of A  Ladyman", do Sleater-Kinney!!! ^^
  (AMOOO essa música de paixão!!! ^^ rs!)

                    (Capa do cd  das meninas do Sleater-Kinney onde se encontra a música "Ballad Of A Ladyman".).

RIOT  kisses, amores meus!! Muito obrigada pelas visitas!  Bom restinho de férias à todos!! ^^

♀STAY RIOT , GRRRLS!!♀