sábado, 15 de janeiro de 2011

"A Balada do Mulherengo" (Vs. "Ballad Of A Ladyman" - Sleater-Kinney)



Olá, meus amores! Partilharei com vocês mais um pouquinho do meu lado de letrista! A seguir, vocês lerão a letra de "A Balada do Mlulherengo", uma versão em Português que compus da música "Ballad Of  A Ladyman", da banda de punk feminista norte-americana Sleater- Kinney (as meninas da foto!), na tarde do  dia 07/01/11.
Essa banda é uma de minhas grandes inspirações dentro gênero RIOT GRRL/ PUNK ROCK/  PUNK FEMINISTA, e o mais importante: as garotas estão dentre as minhas musas como letrista!

A música da qual fiz versão é a do vídeo acima, e a letra vocês podem ler abaixo:

A Balada do Mulherengo (“The Ballad Of A Ladyman” – Sleater-Kinney – Versão: Mari Diaz)

Caminhando com falsos passos seguros.
Esguichando sua inútil beleza para todos os lados.
Isso é tudo que tenho a gritar.
Essa é a balada do mulherengo.

Ensaiando milhões de cantadas podres.
Tão podres quanto seu conceito de masculinidade.
Isso é tudo que tenho de atirar.
Tudo que tenho de atirar nessa balada do mulherengo.

Ele é tão idiota que acha que deve provar aos outros sua masculinidade
E acha que a mulher é um objeto.
Nojento machista, irritante misógino.

Se você disser a ele que nada do que ele diz faz sentido.
Ele só vai achar que você está se fazendo de difícil.
E vai continuar a soltar suas pérolas inúteis
Achando que vai te conquistar assim.

Eu não consigo suportar esse desfile de futilidade.
Essa falta de maturidade me embrulha o estômago.
Pior é quando eles competem entre eles quem ‘pega’ mais mulheres.
Essas são as ‘tentações’ de um mulherengo.

Ele é tão idiota que acha que deve provar aos outros sua masculinidade
E acha que a mulher é um objeto.
Nojento machista, irritante misógino.

O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.
Como ele age é como a sociedade diz que o homem deve ser. 
O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.

Eu não consigo suportar esse desfile de futilidade.
Ele conta com quantas mulheres ele sai a cada noite.
Ele conta aos amigos quantas ele levou para a cama.
Como se isso reforçasse a masculinidade dele.

O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.
Como ele age é como a sociedade diz que o homem deve ser. 
O que ele diz é o que a sociedade acha que o homem deve ser.
Essa é a balada do mulherengo.


Maria Rosa Dias – Versão em Português da música “Ballad Of A Ladyman”, da banda feminista Sleater-Kinney, composta no dia 07/01/11.



----->>> Para quem quiser conhecer mais do meu trabalho de letrista, é só acessar:
------- >>>>  http://recantodasletras.uol.com.br/autor_textos.php?id=62304&categoria=* <<<<<-------------

----->>> Meu perfil no Recanto das Letras UOL:
------>>  http://recantodasletras.uol.com.br/autor.php?id=62304 <<<---------

 Postagem feita ao som de: "Ballad of A  Ladyman", do Sleater-Kinney!!! ^^
  (AMOOO essa música de paixão!!! ^^ rs!)

                    (Capa do cd  das meninas do Sleater-Kinney onde se encontra a música "Ballad Of A Ladyman".).

RIOT  kisses, amores meus!! Muito obrigada pelas visitas!  Bom restinho de férias à todos!! ^^

♀STAY RIOT , GRRRLS!!♀


18 comentários:

  1. Minina essa balada sua é fera!! tanto que vou usar um cliche " Falou pouco ( na verdade o sufuciente), mas , falou tudo!

    Continua nessa pegada, tú é demias!! Beijão

    bastante saudade

    ResponderExcluir
  2. show de bola, mari =] super atitude! gosto muito do que vc escreve... valeu.

    ResponderExcluir
  3. OLá Maria!

    Obrigada pelos elogios!
    Adicionei seu blog na minha lista e também já te sigo.

    Beijos

    ResponderExcluir
  4. Passei por aq da outra vez, mas não consegui comentar, rs...

    Nunca tinha ouvido falar dessa banda, o som parece ser bom, vou procurar outras músicas dela para ouvir!

    Bjoxxx e abraços***

    ResponderExcluir
  5. Oi linda! :D Obrigadíssimo e desejo a ti também muito sucesso ao teu blog!

    Valeu por estar seguindo^^

    bjs!

    ResponderExcluir
  6. Belas palavras, baby! SRRSRSR. Gostei muito e vou pesquisar essa banda Sleater-Kinney. Tenho um show do Pearl Jam em que elas participam em duas músicas, eu acho.

    Bjão!

    ResponderExcluir
  7. goste da letra! e do seu blog!
    se quiser, acesse meu blog de arte obscura http://artegrotesca.blogspot.com
    bjos

    ResponderExcluir
  8. Muito bom! fazia tempo que não passava por aqui seu Blog está ótimo! Continue assim!
    Abraços!

    ResponderExcluir
  9. muuito bom, e pior que tem muuitos desse tipo, inclusive tipo que me irrita demais, passo longe desses ou tento enxer o saco jogando na cara deles alguns conceitos feministas ;p
    Sleater-Kinney é mt bom, fiz um post sobre elas no meu blog tambem x)
    beijos Riot :*

    ResponderExcluir
  10. Sempre muito boas coisas por aqui ;D
    O bom gosto sempre à mil!

    ResponderExcluir
  11. Ola! Muito boa essa versão, gostei minha amiga, só quero adicionar uma duvida minha:
    Na parte em que voce chama o mulherengo de misógeno, voce quis dizer literalmente? por que, ao meu ver esse conceito se contradisse, levando em concideração dele acreditar que pode ter a todas. Talvez eu tenha compreendido errado, mas se voce puder me explicar isso...
    Mais no mais, ficou uma obra maravilhosa, adorei sua forma de escrever!
    Beijos
    Até a proxima!

    ResponderExcluir
  12. Muito bom o post querida, muito bem feito mesmo. Adorei a letra menina... Vem cá e como são conhecidas as versões femininas desse mulherengo, porque da mesma maneira que tem homem que é assim, tem mulher.
    Tristeza né...
    Votei na enquete!
    Votei em esclarecedor porque é aqui que tiro muitas das dúvidas e enganos...

    Abração querida,
    Parabéns pelo post e pela letra.
    Té mais!

    ResponderExcluir
  13. Oi querida. Sou da equipe do Danos Irreparáveis, vc nos deixou um comentário bacana e vim cá pedir desculpas pela demora em ler e moderar o coment. Toda equipe está de férias há uns 4 meses, rs. Mas em breve estaremos voltando com os posts. Sua proposta foi bem apreciada, apareça para conversamos melhor depois. Abraços e parabéns pelo blog. Bjo

    ResponderExcluir
  14. Gostooo muitoo dos seus textos, são sempre uma nova "polêmica" que se cria nos pensamentos de todos mesmo, sempre bem críticos e as fontes também são excelentes, fico feliz por lhe conhecer e poder estar todos os dias atualizando - me em relação aos pensamentos das pessoas, que por sinal estão sempre pra frente e não mais parados esperando alguma descisão "superior"

    ResponderExcluir
  15. Muito bom seu blog Mari!!! Parabéns pela reportagem na Folha da Região!! Muito sucesso!! Bjos!!

    ResponderExcluir
  16. eeei... tu poderia me indicar umas bandas punks riot grrrls? meu repertório de bandas está ficando fraco...
    beijo

    ResponderExcluir